top of page
Buscar
  • Do Mais Goiás

Suspeito de vários estupros de adolescentes é preso em Valparaíso


Policiais da 2ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Valparaíso prenderam, no último domingo (8), um suspeito de dezenas de estupros de vulneráveis e corrupção de menores cometidos no município. O investigado, de 39 anos, que não teve seu nome divulgado, é indiciado por diversos crimes contra a dignidade sexual de vulneráveis, quando o ato libidinoso/sexual ocorre com menor de 14 anos. As investigações se iniciaram há aproximadamente dois meses, quando houve o desaparecimento de uma jovem de 12 anos. Em busca realizada pela Polícia Civil, a menor foi encontrada na residência do suspeito junto a outra adolescente de 13 anos. No local, foram apreendidas pequenas porções de drogas usadas para consumo. De acordo com informações da PC, as adolescentes declararam que mantinham relações sexuais regularmente com o suposto autor, mas não havia elementos para a prisão em flagrante. Diante das informações, o delegado Pedromar Augusto instaurou inquérito policial para apurar as alegações das jovens. Nas semanas seguintes, os cartões de memória em posse do indiciado foram minuciosamente analisados pelos policiais. Neles, havia conteúdo de gravações feitas pelo próprio suspeito, de conteúdo erótico envolvendo ele mesmo em diversas datas com várias jovens. Estas foram todas identificadas, intimadas e ouvidas pela Polícia Civil. Ao todo, mais de dez menores foram vítimas do suspeito.

Ainda segundo informações da PC, além das cenas de sexo, foram encontradas outras gravações de consumo de drogas em festas automotivas promovidas pelo suspeito no Jardim Céu Azul, em Valparaíso. Assim que os resultados da investigação reuniram conteúdo suficiente, a prisão temporária do homem foi solicitada ao Poder Judiciário local. Com o mandado de prisão em mãos, os policiais civis localizaram o suposto autor e efetuaram sua prisão. Outros materiais digitais foram apreendidos e estão sendo analisados pela Polícia Civil. O suspeito permanecerá preso inicialmente por 30 dias. Sua pena poderá ser convertida em prisão preventiva a critério do Poder Judiciário.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page