top of page
Buscar
  • Do Mais Goiás

Quadrilha foi presa ao se aproveitar de hora do jogo para transporte de cocaína de MS a Goiás


Pelo menos três pessoas foram presas na operação que desencadeou em uma das maiores apreensões de cocaína em Goiás neste ano. O golpe no tráfico foi dado pela Delegacia Estadual de Combate ao Narcotráfico (Denarc), que apreendeu mais de 500 quilos de cocaína e insumos para refino da droga na tarde desta quinta-feira, 27, horas antes do jogo entre Brasil e Sérvia, na Fase de Grupos (E) da Copa do Mundo. A investigação desvendou um bando criminoso responsável pelo narcotráfico entre o estado sul-mato-grossense e Goiás. A facção é monitorada pelo maior grupo de inteligência da Polícia Civil.

(Foto: Leitor do Mais Goiás)

O bando criminoso atuava entre os Estados de Mato Grosso do Sul e Goiás, e fazia com que os entorpecentes de alto poder aquisitivo chegasse aos compradores em varejo, ou seja, os consumidores finais. Fontes oficiais do Mais Goiás, ligadas à investigação, apontam que o prejuízo soma mais de R$ 10,5 milhões, já que a droga era vendida em pequenas porções a criminosos do Estado, que também passavam para traficantes de outros pontos do País — o quilo da cocaína custava cerca de R$ R$ 21 mil, após refinada. Policiais descobriram o esquema em conjunto com o Judiciário Goiano, que tem dado ampla segurança para a atuação das polícias no combate ao crime organizado. A quadrilha pode ser maior, segundo os investigadores, que ainda não têm pistas de outros componentes. As forças de segurança trabalham para realizar a apresentação de presos e do material apreendido à imprensa ainda na manhã desta sexta-feira, 28, quando os detalhes pormenores desse golpe ao tráfico serão informados pelo delegado Eduardo Gomes, que preside o inquérito.


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page