top of page
Buscar
  • Jornal Tribuna Livre

Seminário apresenta resultados do Projeto Escola Resíduo Zero 2019


O Ministério Público de Goiás, em apoio à Sociedade Resíduo Zero (SRZero) e à Sociedade de Integração e Ação Comunitária (Oscip Vida Melhor), sediará nesta quarta-feira (23/10) o seminário Projeto Escola Resíduo Zero 2019: Apresentação de Resultados. O evento, que acontecerá no auditório do MP-GO, a partir das 8 horas, apresentará as diversas estratégias de como implantar a prática dos 5 Rs (repensar, recusar, reduzir, reutilizar e reciclar), minimizando ao máximo os resíduos em instituições de ensino. Também serão conhecidas outras iniciativas, como o aplicativo Web Compost, de monitoramento da compostagem, incluindo propostas aplicadas em escolas, residências e demais instituições apoiadas ou não pela SRZero. Além disso, as escolas do Projeto Escola Resíduo Zero (PERZ), das quais 8 localizadas em Goiânia e 5 em Jandaia, apresentarão ações desenvolvidas durante o ano de 2019. Entre elas estão a coleta seletiva, compostagem, reciclagem, artesanatos, práticas de educação ambiental e combate ao Aedes aegypti, entre outras iniciativas sustentáveis.

No seminário também serão entregues os certificados para as escolas, voluntários e parceiros envolvidos. Ao final do evento será servido um lanche, porém, será necessário trazer sua caneca ou copo retornável.

Apoio do MP-GO O projeto em Goiânia conta com apoio financeiro oriundo de compensações do Ministério Público de Goiás, pela 15ª Promotoria de Justiça de Goiânia, cujo titular é o promotor Juliano de Barros Araújo, com atuação na área ambiental. O programa também conta com o apoio de várias instituições dos setores público e privado.

saiba mais

Aberto prazo de inscrição ao Projeto Escola Resíduo Zero 2019, lançado hoje na sede do MP

O Projeto Escola Resíduo Zero surgiu em 2017, por sugestão de estudantes do Colégio Lyceu de Goiânia, após uma palestra do promotor sobre o tema. A partir de então, começaram as mobilizações para organizar a iniciativa, que foi regularizada com a assinatura de um termo de ajustamento de conduta, sendo investidos, em 2018, R$ 52 mil, oriundos de compensações civis, contemplando dez escolas em Goiânia, incluindo um Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei), unidades de ensino fundamental e médio e de ensino especial. Para 2019, foram destinados R$ 55 mil ao projeto. (Texto: Cristina Rosa / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO - Foto: Banco de Imagem)


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
bottom of page